Papa Francisco faz apelo pela paz em sua primeira mensagem de Natal

Em seu primeiro discurso “Urbi et Orbi” (para a cidade e o mundo) desde que assumiu a liderança da Igreja Católica em março passado, o Papa Francisco fez um apelo pela paz no mundo. Falando para dezenas de milhares de fiéis reunidos na Praça de São Pedro, no Vaticano, o pontífice destacou os conflitos no Sudão do Sul, Síria, Nigéria, Congo e Iraque e também disse estar rezando para avanços no diálogo entre israelenses e palestinos. Segundo Francisco, os indivíduos têm um importante papel na promoção da paz, seja com seus vizinhos ou entre nações.

– A verdadeira paz não é o equilibrio entre duas forças opostas, não é uma bela fachada que esconde conflitos e divisões – lembrou o Papa, acrescentando que a maior parte das vítimas são exatamente as pessoas mais vulneráveis, como as crianças, os idosos, as mulheres e os doentes.

– A paz pede por um compromisso diário, a começar pelo presente de Deus, com a graça que nos deu em Jesus Cristo. Ao vermos a Criança na manjedoura, nossos pensamentos se voltam àquelas crianças que são as vítimas mais vulneráveis das guerras, mas pensamos também nos idosos, nas mulheres, nos doentes. A guerra destrói e fere muitas vidas.

O Papa Francisco também aproveitou a tradicional mensagem de Natal para fazer uma defesa do meio ambiente, que precisa ser salvo “da cobiça e ação humanas” que agravam desastres naturais como o recente supertufão que atingiu as Filipinas.

– Senhor do céu e da Terra, cuide de nosso planeta, muitas vezes explorado pela cobiça e ação humanas. Ajude e proteja todas as vítimas de desastres naturais, especialmente ao amado povo das Filipinas, gravemente afetado por um tufão recente – ressaltou.

Fonte: O Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *